20/01/2008

Um dia importante para o mundo

Terça-feira, dia 5 de Fevereiro, vai ser um dia importante para o mundo, mesmo que a maior parte das pessoas nem sequer ligue aos seus acontecimentos. No entanto acredito que a eleição para a presidência dos Estados Unidos, que já começou com as eleições para os candidatos dos dois maiores partidos, é um momento de viragem do mundo.



Já aqui deixei alguns posts a falar do que aconteceu na década de 60 nos Estados Unidos, altura de grande comoção e momentos decisivos, em que foram assassinados três homens que, ao contrário da esmagadora maioria dos políticos, lutavam de facto pela liberdade e pelos direitos humanos e civis, JF Kennedy, Marthin Luther King e Robert Kennedy. Mas, agora, quarenta anos depois, e após um desastroso período onde W Bush trouxe à tona tudo o que os Estados Unidos podem ter de mau, surge a esperança da mudança.

Sim, a mudança será certa. Os democratas irão, com toda a certeza, vencer, uma vez que o povo americano já não consegue suportar a arrogância e a burrice republicana. Mas, de entre os candidatos, há um que me enche de esperança. Falo, claro, de Barrack Obama, jovem senador, não comprometido, sem vícios políticos de maior, aparentemente lutando por causas. Hillary, pelo contrário, arrogante, fria e cheia de vícios de demasiados anos a lidar com o poder não me inspira.

Mas, de qualquer forma, e sem alongar o post, terça-feira, têm lugar as primárias em 24 estados norte-americanos. E, curiosamente, terá lugar poucos dias depois da data em que, se fosse vivo, Luther King faria 79 anos. Aquele que disse "Eu tenho um sonho...".

1 comentário:

navlig2007@hotmail.com disse...

acho uma surpresa um negro esta concorrendo diretamenta a presidencia dos estados unidos,isso mostra q raça nao tem valor a ou b.um negro pode sim governar a maior naçao do planeta.viva obama!